O que é e como funciona a hipnose?

hipnose com círculos

O que é e como funciona a hipnose?

Será que é possível tratar dores crônicas, depressão, vícios e fobias ao estalar os dedos?

A resposta é NÃO! Mas com a hipnose é possível acelerar algumas etapas…

Muito mais que magia ou armação, a hipnoterapia é algo científico que estuda a mente e explora as capacidades da hipnose para tratar de forma bastante eficaz distúrbios comportamentais e psicossomáticos.

Quer saber mais sobre essa área, seja para benefício próprio ou para se tornar um profissional? Continue lendo este artigo e veja o que é a hipnose como ela funciona.

O que é a hipnose?

Sabe quando fixamos o olhar em algum lugar e não queremos mais desprendê-lo de lá? Ou quando assistimos um filme e, mesmo sabendo que tudo é fictício, emoções diferentes tomam conta de nós? Então, isso é um estado HIPNÓTICO e entramos nele várias vezes ao dia espontaneamente, é natural de nós, seres humanos.

A hipnose é um processo neurofisiológico natural que nos envolve em um transe, é uma alteração do nosso estado de consciência e pode ser natural, como citado acima, ou induzido.

A hipnose induzida é realizada por especialistas que aproveitam o estado de alteração de consciência para realizar o tratamento de alguns problemas ou modificar algum comportamento indesejado.

Esse tratamento é conhecido como hipnoterapia e é bastante eficaz, entregando ótimos resultados em terapias de curto prazo.

Quais problemas a hipnose trata?

Os problemas de saúde mais procurados para tratamento com hipnoterapia são:

  • Depressão
  • Fobias
  • Vícios
  • Gagueira
  • Timidez
  • Perda de peso
  • Ansiedade
  • Preparação para cirurgias

Porém, a hipnose não trata somente problemas de saúde que possuem cunho psiquiátrico ou psicológico, ela ainda pode ajudar o paciente a mudar a forma como ele próprio se enxerga e a melhorar o seu relacionamento com mundo, como:

  • Aumentar o foco, podendo auxiliar na preparação de provas ou testes
  • Possuir maior autoconhecimento
  • Tratar sentimentos de culpa, baixa autoestima ou insegurança
  • Melhorar suas relações interpessoais
  • Alcançar metas
  • Obter melhores resultados na vida profissional e pessoal

Como a hipnose funciona? 

A hipnose nada mais é do que um trabalho em conjunto do hipnoterapeuta com o paciente, no caso da hipnose induzida, ou de concentração do próprio indivíduo durante a hipnose natural.

A hipnoterapia utiliza um conjunto de técnicas verbais e não verbais de comunicação que são capazes de facilitar a entrada de um indivíduo em um estado de transe, o famoso estado alterado de consciência.

No estado de transe, é possível acessar vários recursos e memórias desconhecidos até para o paciente que eram guardados no subconsciente e, a partir disso, reconhecer o trauma ou problema e tratá-lo.

Como o transe é um estado de extrema concentração e relaxamento, o indivíduo fica mais “aberto” a receber as sugestões do hipnólogo e guardá-las na sua mente subconsciente, sem fazer o uso de medicamentos.

Porém, assim como qualquer outra terapia, o processo não ocorre de passiva. Não existe uma palavra mágica que o hipnoterapeuta diz e todos os problemas estão resolvidos! É extremamente fundamental a motivação e o engajamento do paciente no processo para que os resultados sejam satisfatórios. Durante uma sessão de hipnoterapia, o terapeuta atua como um facilitador que orienta e instrui a melhor forma de resolver o problema, mas não é ele quem vai resolve-lo, e sim a própria pessoa.

Quem pode realizar a hipnose?

Hipnose é algo bastante sério, por isso, a formação de alguém que hipnotiza demanda bastante estudo. A hipnose clínica pode ser realizada por diversos profissionais desde que tenham se especializado no assunto. Não só médicos psiquiatras ou psicólogos para tratar traumas psicológicos, mas também dentistas, terapeutas, fonoaudiólogos, fisioterapeutas para auxiliar em seus tratamentos e diminuir ansiedade em certos procedimentos. Claro, sempre seguindo códigos de ética que regulamentam cada uma dessas profissões. A hipnose não possui uma regulamentação própria no Brasil, mas é reconhecida e aceita pelos Conselhos Federais de Psicologia, Medicina, Odontologia, Fisioterapia e Enfermagem, portanto, qualquer pessoa, mesmo não sendo da área da saúde, pode se capacitar e se tornar um hipnoterapeuta.

Gostou do artigo? Conte pra nós o que você achou e deixe suas sugestões para os próximos nos comentários!

About Author

Ton Lucas

Psicólogo e hipnoterapeuta desde 2013, fundador do canal HIPNOTIME no Youtube. Ministra cursos, palestras e workshops na área. Para conhecer mais sobre o autor, acesse:

Related posts